GIF 728x90 - Suplementos

BMW apresentou nesta sexta-feira (8). Dias antes do Salão de Frankfurt, o conceito X7 iPerformance, que dará origem ao maior SUV da marca em 2018.

BMW

BMW: lançamento da versão definitiva será em 2018.

A Fabricante alemã, também anunciou a criação de uma divisão de luxo. Que abrigará além do X7, a reedição do Série 8. Ainda não lançada, o sedã Série 7 e o esportivo elétrico i8.

Esta nova marca de luxo terá uma variação do logitpo original da BMW, em preto e branco. E com o nome original da empresa, Bayerische Motoren Werke.

Voltando ao X7, apesar da proximidade do lançamento oficial, no ano que vem, o SUV ainda traz muitos traços exagerados, típicos de conceitos. O principal deles é o enorme teto de vidro. A grade, na comparação com os modelos de produção, também é gigantesca. Ainda assim, segue a tradição do formato “duplo rim”.

O outro detalhe é o conjunto de retrovisores fixos em alumínio e integrados ao desenho do veículo. As maçanetas embutidas também tem detalhes metalizados. Assim como um friso vertical junto ao para-lama, que depois se estende pela parte inferior das portas.

Assim como os faróis, as lanternas também são bem estreitas e unidas por um friso sobre a tampa do bagageiro, que é bipartida. O teto é panorâmico e as barras longitudinais provavelmente de alumínio – são integradas às colunas A.

Fora isso, o X7 tem traços de SUVs mais tradicionais, como o próprio X5, mas em maior escala. Os faróis são afilados, e há uma série de cromados em toda a carroceria. É possível notar que o interior é de um conceito, mas há diversos elementos que devem ser mantidos na versão de produção.

Caso do quadro de instrumentos digital e da posição da central multimídia e do console central. A BMW não divulgou maiores detalhes da versão de produção, mas adiantou que o modelo deverá receber uma versão com propulsão híbrida plug-in. Aquela que pode ser recarregada em tomadas.

Poderá gostar: Bugatti Chiron

 VITRINE